top
logo

 

Tomaz Ribeiro (1831-1901)

Político e poeta, nasceu em
Parada de Gonta, Tondela

 

 

 

 

Atividades do ano letivo 2017-2018

Oui, on parle français!

Dentro em pouco saber inglês será uma trivialidade.
Saber (mais) línguas é que pode fazer toda a diferença.

António Mega Ferreira, O mito da língua bastante, Visão, 13/9/2007

Que a disputa, se a houver, seja festiva, pois que os idiomas não ocupam espaço e não geram rivais, mas poliglotas!
Hélia Correia, Prémio Camões, julho de 2015

Pelo décimo ano consecutivo, alunos do nosso agrupamento efetuaram os exames do Delf Scolaire, níveis A1 e B1. No dia 3 de maio, na Escola Secundária de Viriato, em Viseu, quatro alunas alcançaram excelentes resultados. Este diploma é reconhecido no âmbito do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas, tendo uma validade vitalícia e um reconhecimento internacional, como se pode atestar no texto oficial do CIEP, organismo oficial responsável pela sua emissão. Este projeto de certificação conta com a colaboração dos Ministérios da Educação Português e Francês, constituindo uma mais-valia para o currículo escolar dos nossos alunos.

Saliente-se que o nível B1 permite já  o acesso ao ensino universitário e ao mercado de trabalho em França ou noutro país francófono. A competência em francês como língua estrangeira constitui um verdadeiro “passaporte” para o conhecimento e uma ferramenta facilitadora da integração profissional dos nossos alunos, quer em Portugal, quer no estrangeiro, reforçando a sua capacidade para comunicar fluentemente noutra língua estrangeira e ampliando igualmente a formação multicultural dos nossos jovens.

A língua francesa, em particular, continua a abrir múltiplas portas de trabalho, como tem acontecido ao longo de gerações com muitos portugueses em países de língua francófona espalhados por todo o globo, podendo os nossos alunos continuar a aprender este idioma, no nosso agrupamento, nos 10.º e 11.º anos, quer no ensino regular, quer no ensino profissional.

O nosso profundo agradecimento à Junta de Freguesia do Guardão que sempre tem facilitado o transporte dos nossos alunos até ao local de realização do exame. Bem - hajam!

Parabéns, pois, às nossas alunas! BRAVO À TOUS!

Para mais informações, contactar a professora Teresa Couto, responsável pela realização do Delf Scolaire no nosso agrupamento.

 

Cabrilheira® foi a primeira

No dia 16 de junho, no Parque Urbano de Tondela, realizou-se mais uma edição da Expo Empresas - Escolas Empreendedoras da CIM Viseu Dão Lafões, que visa a promoção do empreendedorismo na região.

Pelo nosso agrupamento foi apresentado o projeto Cábri-Serra, com o produto Cabrilheira®, que arrecadou o 1º prémio. Este projeto foi dinamizado pelos alunos do CEF1 - Serviço de Mesa, coordenados pelas professoras Emília Almeida, Kátia Coelho e Naír Chaves.

Todos os envolvidos estão de parabéns.

 

 

“O Som dos Livros...” leva as escolas à rádio

Ao longo deste ano letivo e no âmbito das atividades das bibliotecas escolares, os alunos do nosso agrupamento tiveram a oportunidade de participar no projeto “O Som dos Livros…”, através do qual contactaram com a rádio e participaram na transmissão de rubricas radiofónicas. Este projeto é da responsabilidade do Gabinete de Educação da Câmara Municipal de Tondela e tem como parceiros a Biblioteca Municipal de Tondela, a Rede de Bibliotecas Escolares de Tondela e a Rádio Emissora das Beiras.

Através das emissões radiofónicas divulgámos e promovemos as atividades que foram realizadas nas escolas, bem como procurámos contribuir para a aproximação dos livros à população em geral, através da partilha de leituras. Eis algumas das opiniões dos nossos jovens “locutores”:

Gostámos muito de participar no projeto “O Som dos Livros”, pois tivemos o prazer de estar numa rádio, de desempenhar o papel de locutores e de falar para um auditório. Gostaríamos muito de voltar a participar! (Alunos da EB do Caramulo)

Eu gostei do Som dos Livros porque foi uma experiência diferente e muito divertida. O programa fez com que eu percebesse que ler é importante, que não é tão mau como pensamos. Eu gostava que esta experiência se repetisse por muitos mais anos. (Cristiana, 7.º ano).

As emissões podem ser escutadas em: http://rbt.cm-tondela.pt/index.php/projectos/o-som-dos-livros
 

Lançamento da Cabrilheira® no mercado nacional

No 8 de junho a Cabrilheira® (enchido de cabrito) entrou no mercado nacional, através de uma empresa produtora e distribuidora do concelho de Tondela, a Salsicharia Irmãos Oliveiras. Este produto foi lançado durante a 12.ª Semana Gastronómica do Cabrito do Caramulo, que decorreu de 8 a 10 de junho de 2018.

A Cabrilheira® foi criada no âmbito dos projetos Escolas Empreendedoras da CIM Viseu Dão Lafões e na 15.ª edição do Prémio Fundação Ilídio Pinho “Ciência na Escola”, pelas turmas do CEF1 - Serviço de Mesa e do curso profissional Técnico de Receção, sob a orientação das professoras Emília Almeida e Naír Chaves.

 

 

Exposição de retratos pintados

No ano letivo de 2016/2017, os alunos do 12.º ano do curso de Artes da Escola Secundária de Tondela aceitaram o desafio de executar um conjunto de trabalhos para embelezar o espaço da biblioteca escolar, no âmbito do projeto "Ler+ 2017". A aposta foi a realização de um conjunto de retratos, pintados, de escritores portugueses, sob a orientação do professor Manuel Vaz. O trabalho foi sendo executado, com empenho, mas nem todos os trabalhos foram dados por concluídos.

No ano letivo de 2017/2018, outros alunos retomaram o trabalho e procederam à finalização das pinturas que agora se apresentam expostas na biblioteca escolar da Escola Secundária de Tondela.

 

Escolíadas Glicínia Plaza 2018

A Associação Escolíadas tem como objetivo fomentar, apoiar e promover a prática de atividades artísticas levadas a cabo por alunos e professores. Desde 2015, a Escola Secundária de Tondela participa, graças à existência de um significativo número de alunos que se organizaram, juntamente com a Associação de Estudantes, para apresentarem em público as seis provas a concurso, nas seguintes categorias: cultura, artes plásticas, teatro, música/dança e claques.

Este ano, os alunos da Escola Secundária de Tondela participaram, no polo I, no dia 11 de maio, tendo passado à final distrital, que se  se realiza mo dia 18 de maio, pelas 21:30 horas, no Teatro Aveirense, em Aveiro.

Convida-se a comunidade escolar a assistir e apoiar a nossa escola.

 

Projeto Ton.de.Laranja

No dia 10 de maio, no Auditório Municipal de Tondela, realizou-se a 7.ª edição do Concurso Municipal de Ideias de Negócio, no âmbito do Projeto “Escolas Empreendedoras da CIM Viseu Dão Lafões”.

Pelo nosso agrupamento foi apresentado o projeto Ton.de.Laranja, que arrecadou o 2.º prémio, dinamizado pelas alunas do curso profissional Técnico de Receção, Daniela Santos, Maria João Fernandes e Vanessa Carriço, coordenadas pelas professoras Emília Almeida e Naír Chaves.

Todos os envolvidos estão de parabéns.

 

 

Ação Escola - SOS Azulejo

No dia 6 de Maio comemora-se o Dia Nacional do Azulejo. A nossa escola, associada ao projeto nacional “Ação Escola – SOS Azulejo” assinalou esta data, no dia 4 de maio, com uma exposição dos trabalhos realizados pelos alunos do 8.º e do 9.º ano e um workshop de pintura em azulejo vidrado cru.

No sentido de se fazer a sensibilização dos alunos para a importância da preservação do património, nomeadamente da azulejaria, estas atividades integraram o trabalho desenvolvido pelos alunos do 8.º e do 9.º ano, nas disciplinas de Educação Visual e Educação Tecnológica, a saber:

  • Levantamento dos azulejos/padrões existentes em monumentos e edifícios da cidade de Tondela  e elaboração de um projeto para um mural, pelos alunos do 9.º ano;
  • Elaboração de um projeto para um painel de azulejos, a partir de uma estrutura modelar, pelos alunos do 8.º ano;
  • Pintura do painel em azulejo vidrado cru pelos alunos do 8.º e 9.º ano;
  • Divulgação/exposição dos trabalhos desenvolvidos, no dia 4 de maio.

Esta atividade foi também integrada no “V Encontro Internacional sobre Educação Artística”, no âmbito da Oficina de Artes na Escola.

 

Campanha do Laço Azul – Laço Humano

No dia 27 de abril, pelas 12:00h, no recinto da Escola Secundária de Tondela, os alunos das turmas do 7.º ano formaram um laço humano no âmbito da Campanha do Laço Azul.

Esta iniciativa foi desenvolvida pelos alunos da turma C do 7.º ano, inserida no seu projeto interdisciplinar “Laços de Amor” que, desta forma, se associaram às atividades promovidas pela Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Tondela. Com esta atividade os alunos quiseram sensibilizar a comunidade escolar para os maus tratos às crianças e jovens.

Ainda neste âmbito, durante a semana, realizou-se na escola uma exposição com cartazes alusivos ao tema e, a partir do dia 27 estes trabalhos foram integrar uma exposição no serviço de pediatria do Centro Hospitalar Tondela-Viseu.
 

Concurso Nacional de Leitura - fase concelhia

“O Caderno do Avô Heinrich” de Conceição Tomé e “As velas ardem até ao fim” de Sándor Márai foram as obras escolhidas para o envolvimento dos alunos participantes nesta fase concelhia do Concurso Nacional de Leitura. Num trabalho colaborativo entre os professores de Português dos dois Agrupamentos de Escolas do concelho de Tondela, equipas das respetivas bibliotecas escolares e Biblioteca Municipal Tomaz Ribeiro, foi possível uniformizar os procedimentos iniciais de apuramento interno, a fim de selecionar apenas os dois alunos (um do 3.º ciclo e um do ensino secundário) que deverão representar este concelho na fase interconcelhia.
Pelo mérito revelado na fase de escola, as alunas Carolina Figueiredo, do 8.º E, e Raquel Salomão, do 10.º B, estiveram presentes nas provas da final concelhia, realizada no dia 11 de abril, na Biblioteca Municipal.

Após a realização de prova de leitura expressiva e de uma argumentação oral em torno de temáticas das obras lidas, o júri – constituído pela responsável interconcelhia das Bibliotecas Escolares, Dra. Helena Duque, pela Dra. Luísa Melo e pela atriz Ilda Teixeira - pôde decidir pela seleção da aluna Carolina Figueiredo, concorrente do 3.º Ciclo, a frequentar o Agrupamento de Escolas de Tondela Tomaz Ribeiro. A fase seguinte - final interconcelhia - está prevista para o dia 21 de maio, em Penalva do Castelo.

O Concurso Nacional de Leitura é uma iniciativa do Plano Nacional de Leitura, à qual se associam, tal como em edições anteriores, a Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), a Rede das Bibliotecas Escolares (RBE), o Camões IP, a Direção de Serviços de Ensino e Escolas Portuguesas no Estrangeiro (DSEEPE) e a RTP.

 

European Statistics Competition

European Statistics Competition (ESC) é uma nova competição organizada pelo Eurostat (o Gabinete de Estatísticas da União Europeia) e por alguns institutos nacionais de Estatística, com o propósito de promover a literacia estatística, a curiosidade e o interesse pelas estatísticas oficiais junto dos estudantes e dos professores. Os principais objetivos da ESC são: promover a curiosidade e o interesse dos alunos pela estatística; incentivar os professores a utilizar novos materiais e novos métodos de ensino da estatística, incrementando a utilização de dados estatísticos oficiais e a aplicação do conhecimento estatístico adquirido. Visam também mostrar aos alunos e aos professores o papel da estatística em vários aspetos da sociedade, e ainda promover o trabalho de equipa e a colaboração entre os estudantes com vista a alcançar objetivos comuns.

A competição terá duas fases, a nacional e a europeia. Os finalistas da fase nacional de cada país poderão vir a participar na fase europeia. Na fase nacional será utilizada a língua portuguesa; na fase europeia, que ocorrerá em maio de 2018, utilizar-se-á a língua inglesa.

Do nosso agrupamento, temos a equipa “Aleatórios” a participar nesta competição. Esta equipa é formada por Marcos Fontes, Roberto Henriques e Joana Gonçalves, alunos da Escola Básica do Caramulo, supervisionados pela professora de Matemática, tendo sido apurada para a 2.ª fase do concurso, que terminou a 16 de março.

Vamos torcer pelos "Aleatórios"!

 

14.º Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos

No dia 1 de março decorreu no nosso agrupamento a fase escolar do 14.º Campeonato Nacional de Jogos Matemáticos. Esta atividade é dinamizada pela Associação LUDUS (AL), associação sem fins lucrativos que tem por objetivo apoiar e divulgar a Matemática nas suas diversas vertentes, nomeadamente pedagógica, científica, cultural, histórica e recreativa. A AL, sediada no Museu Nacional de História Natural e da Ciência da Universidade de Lisboa, está especialmente vocacionada para a promoção e divulgação da Matemática Recreativa, desenvolvendo para esse efeito algumas atividades, nomeadamente esta que estamos a noticiar.

Desde os mais pequeninos do primeiro ciclo até aos alunos do ensino secundário, muitos foram os que participaram nos jogos indicados para cada nível de ensino. Assim, no 1.º ciclo, da Escola Básica do Campo de Besteiros, o Digo Santos venceu no jogo Semáforo, o Tiago Trindade no jogo Cães e Gatos, e a Catarina Simões foi a vencedora do jogo Rastros.

Na mesma escola, no 2.ºciclo, participaram 30 alunos distribuídos pelos jogos Cães e Gatos, Rastros e Produto. Saíram vencedores, respetivamente, os alunos Simão Santinha, Marcelo Pais, e Sofia Correia. Na Escola Básica do Caramulo, foram vencedores, pela mesma ordem, os alunos Diogo Mata, Filipe Farinha e Rodrigo Santos.

No 3.º ciclo participaram 145 alunos nos jogos Rastros, Produto e Avanço. Foram vencedores, na Escola Secundária de Tondela, os alunos João Costa, Tiago Clamote e Renato Fernandes. Na Escola Básica do Campo de Besteiros os vencedores foram os alunos Simão Silva, Tânia Matos e Lukas Campos. No Caramulo, os vencedores foram Rodrigo Farinha, Maria Longra e Tomás Cunha.

No secundário, os jogos em competição foram Produto, Avanço e Flume. Os vencedores de cada jogo, respetivamente, foram Rafael Ferreira, Ruben Miranda e Fábio Marques.

Todos estes vencedores foram representar o nosso Agrupamento, na fase final nacional, no Externato de Penafirme em Torres Vedras, no dia 16 de março. Dois dos vencedores da Escola Básica do Caramulo não puderam ir e, por isso, foram representados pelos alunos que tinham obtido o 2.º lugar. Assim, pelo Rastros foi o aluno Tiago Martins e pelo Produto foi o Leonardo Ferreira.

Nesta fase, o aluno Simão Pedro Silva, da Escola Básica do Campo de Besteiros foi o campeão nacional do jogo Rastros. Os professores do departamento de Matemática estão orgulhosos do vosso desempenho! Muitos parabéns e muito obrigado pela participação de todos!

 

Orçamento participativo das Escolas

Pelo segundo ano consecutivo, os alunos vão poder decidir o que querem melhorar na sua escola. Ver informação

Propostas apresentadas pelos alunos:

- Caramulo   |  Campo de Besteiros
- Tondela A   |  Tondela B
- Tondela C   |  Tondela D
- Tondela E   |  Tondela F

Resultados das votações:

Escola Sec Tondela  |  Campo Besteiros  |  Caramulo

 

Cabrilheira na BTL

No dia 3 de março a convite do Município de Tondela e da Confraria Gastronómica do Cabrito e da Serra do Caramulo, a turma do curso profissional Técnico de Receção, esteve presente na BTL (Bolsa de Turismo de Lisboa), um evento de referência para a indústria do turismo nacional e internacional, para apresentar publicamente a Cabrilheira® como novo produto gastronómico da região.

A Cabrilheira® (enchido de cabrito) é um produto gastronómico a partir de produtos endógenos da região de Tondela, tendo enfoque no cabrito da Serra do Caramulo e nas laranjas de Besteiros. Foi criado e desenvolvido pelas docentes Emília Almeida e Naír Chaves, e a respetiva turma, no âmbito da participação na 15.ª edição do prémio Fundação Ilídio Pinho “Ciência na Escola”.

 

Visita de estudo a Aveiro

No dia 21 de fevereiro, os alunos do curso profissional de Técnico de Receção e do CEF – Serviço de Mesa, com as professoras Emília Almeida, Luísa Duarte e Naír Chaves, deslocaram-se à cidade de Aveiro.

Os alunos participaram com muito interesse e empenho na visita de estudo às instalações da empresa “Avozinha, Hóstias para Ovos Moles, Lda”, onde tomaram conhecimento do fabrico de hóstias para os ovos moles.

Num segundo momento da visita, os alunos tiveram a oportunidade de passear de moliceiro pelos canais da ria, usufruindo de um guia que os contextualizou e deu a conhecer factos, construções e personagens importantes daquela localidade, conhecida como a “Veneza portuguesa”.

Esta visita proporcionou aos alunos momentos de grande aprendizagem.

 

Visita de estudo à Cooperativa Terras de Besteiros

No dia 7 de fevereiro, as alunas do curso profissional de Técnico de Receção, acompanhadas das professoras Emília Almeida e Naír Chaves, realizaram uma visita à sede da Cooperativa Terras de Besteiros e aos laranjais de Castelões.

A iniciativa está inserida no desenvolvimento de dois projetos que as alunas estão a desenvolver, um para a 15.ª edição do prémio Fundação Ilídio Pinho “Ciência na Escola” e outro para “Escolas Empreendedoras da CIM Viseu Dão Lafões”, que têm como objetivo principal conhecer melhor um produto endógeno do concelho, a laranja de Besteiros.

A visita foi guiada pelo responsável, Sr. Diamantino Costa, que nos deu a conhecer as áreas de intervenção da Cooperativa Terras de Besteiros, que são o setor agrícola, o artesanato, os serviços, a cultura e outros projetos significativos para o território. Foi então possível conhecer de perto os pomares de laranja, assim como realizar uma degustação das mesmas.

 

Agrupamento tomaz Ribeiro na Letónia

De 11 a 16 de fevereiro, alunos e professores da Escola Secundária de Tondela - Agrupamento Tomaz Ribeiro, participaram em Dikli, Letónia, num encontro internacional do projeto Get Moving sobre o tema: Impacto dos Media.

No primeiro dia visitou-se a capital Riga, a mais cosmopolita das cidades bálticas. A sua arquitetura oferece uma interessante variedade de estilos e épocas, do medieval ao gótico e à art nouveau, passando pelos prédios cinzentos do tempo da ocupação russa, que pouco a pouco vão desaparecendo. No final do dia, toda a comitiva foi recebida na escola em Dikli, uma pequena povoação de 1000 habitantes, a cerca de 150 km de Riga. Uma típica povoação rural da Letónia, completamente coberta por neve, com a curiosidade de ser a terra onde se realizou o primeiro festival da canção do país. Nessa receção foram apresentadas algumas músicas e danças tradicionais que envolveram alunos, professores e pais. No final do dia aos alunos foram alojados nas casas das respetivas famílias de acolhimento.

No segundo dia, foram realizados vários workshops, incluindo uma sessão de trabalho com profissionais da televisão de Valmiera. Durante a parte da tarde visitou-se Dikli. O dia terminou com um jantar típico no exterior.

No terceiro dia, realizou-se a habitual conferência internacional sobre o tema, em que, para além dos alunos, participaram diversos representantes das autoridades locais, bem como da Universidade de Valmiera. Na parte da tarde, aconteceu a abertura oficial da exposição de posters e, no final do dia, realizou-se uma visita de estudo aos estúdios de televisão.

No dia seguinte, todo o grupo visitou o parque natural de Kocenu, uma ampla zona de floresta, onde a beleza de um país com uma forte ligação à natureza esteve em evidência. À tarde, aconteceu a cerimónia do Manifesto e, à noite, um convívio no centro cultural de Dikli, com diversas apresentações por parte dos alunos locais. De regresso, efectuou-se mais uma visita à capital, Riga.

O encontro teve um significativo impacto nos media locais, tendo sido objeto de notícias em vários órgãos locais de informação, incluindo reportagens nos programas de notícias da TV. Por outro lado, foi igualmente muito positiva a reação das autoridades locais a este confronto de culturas que nos ajuda sempre a perceber melhor a nossa própria realidade. Apesar da distância e do pouco conhecimento que temos da cultura letã, foi possível encontrar muitos pontos de contacto e de debate, designadamente no que ao funcionamento da educação e das escolas diz respeito. Durante praticamente uma semana, com temperaturas quase sempre negativas, foi muito bom sentir o calor que sempre se sente quando se ultrapassam algumas barreiras culturais.

Os alunos participantes, David Silva, Nuno Almeida e João Araújo, demonstraram a empatia e qualidade de participação que têm caraterizado os nossos alunos em todos os encontros.

O projeto GetMoving, um projeto Erasmus+ dedicado à participação e empreendedorismo social dos jovens, é coordenado internacionalmente por uma equipa de professores de Tondela e envolve 5 outras escolas da Eslovénia, Espanha, Finlândia, Polónia e Letónia. Decorre de setembro de 2016 a dezembro de 2018 e culminará com um encontro final na nossa cidade.

 

Clube de Dança

O Clube de Dança da Escola Secundária de Tondela abraça um projeto que está a decorrer a nível nacional. Yorn Dancers #SchoolEdition é um campeonato de dança interescolar, cujo objetivo é colocar as escolas do país inteiro a dançar. Decorre entre 31 de outubro de 2017 e 29 abril de 2018 e terá o Youtube da Yorn como repositório para os vídeos a concurso, em qualquer fase do campeonato.

A competição é disputada em 4 etapas: 1ª fase, quartos-de-final, meia-final e final. Cada uma das etapas tem um processo eliminatório, votado online pelo público no YouTube da Yorn e por um júri, composto pelos cantores David Carreira e Da Chick e pelos bailarinos Gonçalo Cabral e Fábio Jorge.

"Da Savages" é o nome da nossa crew, constituída por sete bailarinas: Maria Miguel Neves, Beatriz Vale, Verónica Ribafeita, Beatriz Brás, Marisa Cunha, Lara Fernandes e Catarina André. Parabéns pelo apuramento aos quartos-de-final e boa sorte para o caminho que se avizinha. Os dançarinos são os poetas do gesto.

Vídeo concorrente aos quartos-de-final: https://www.youtube.com/watch?v=tl_V9rKTSmE

 

Dia Internacional da Lembrança do Holocausto / Shoah

Com o intuito de assinalar o 73.º aniversário da libertação de Auschwitz-Birkenau e de homenagear as suas vítimas, a Escola Básica do Caramulo e o Agrupamento Tomaz Ribeiro quiseram relembrar este evento histórico com uma exposição itinerante referente ao Holocausto.

A exibição consistiu em três dezenas de desenhos executados pelo artista contemporâneo François Bhavsar, que retratou um dos capítulos mais negros da História da humanidade. O Holocausto traduziu-se numa ação sistemática e inaudita de eliminação dos judeus europeus nos campos de extermínio, empreendida pelo regime nazista e por colaboracionistas durante a Segunda Guerra Mundial. Com o colapso iminente do 3.º Reich, no dia 27 de janeiro de 1945 os soviéticos chegaram ao complexo de Auschwitz, onde libertaram os primeiros prisioneiros. Esse dia é hoje o "Dia Internacional da Lembrança do Holocausto".

Para evitar o rescrever ou a negação da História, é fundamental manter a memória e educar as jovens gerações, de modo a que nenhum outro genocídio volte a acontecer. Na biblioteca escolar decorreram, em simultâneo à mostra, sessões de cinema e de divulgação de literatura alusivas a este tema. Esta apresentação foi organizada em parceria pela biblioteca escolar e pelo grupo de História.

 

Cabrilheira® marca registada

No dia 22 de dezembro de 2017, as alunas do curso profissional de Técnico de Receção obtiveram a confirmação do despacho concedido relativo ao registo da marca “Cabrilheira”.

Este registo surgiu a partir do desenvolvimento de um projeto para a participação na 15ª edição do prémio Fundação Ilídio Pinho “Ciência na Escola”.

Neste âmbito está a ser desenvolvido um novo produto gastronómico a partir de produtos endógenos da região, tendo enfoque no cabrito da Serra do Caramulo e nas laranjas de Besteiros, dando-lhe novas utilizações, criando produtos de qualidade com mais-valia turística e comercial para a região, uma vez que é necessário revitalizar esta região devido aos trágicos incêndios de 15 de outubro.

 

Dia da Floresta Autóctone em São João do Monte

No dia 23 de Novembro, em parceria com a Quercus e a Associação DCR de São João do Monte, os alunos do JI plantaram algumas espécies autóctones - árvores originárias do próprio território (loureiros, carvalhos, freixo e medronheiros).

Para além de celebrarmos este dia tão importante, também foi uma forma de sensibilização para a importância do equilíbrio biológico das paisagens e preservação do património natural.

Os nossos alunos gostaram muito de pôr “mãos à obra” e foi extremamente percetível o conhecimento que as nossas crianças têm relativamente a esta temática. Como se diz… são crianças da TERRA! Obrigado por nos proporcionarem momentos destes.

 

Olimpíadas da Matemática

Mais um ano escolar, mais umas Olimpíadas.

A primeira eliminatória decorreu no dia 8 de novembro. Os participantes, como verdadeiros matemáticos que são, estiveram concentradíssimos até ao final.

Voltamos com mais informações quando saírem os resultados.

A próxima eliminatória será a 10 de janeiro de 2018

 

 

 

 

Concurso "Histórias da Ajudaris"

A verdadeira Solidariedade começa
quando não se espera nada em troca.

(Antoine de Saint-Exupéry)

Foi com muita satisfação que a atual turma do 6.º C, no ano letivo anterior, colaborou com a IPSS – AJUDARIS. Sim, pois participou, com a criação de histórias, no concurso nacional “Histórias da Ajudaris17”. Este concurso existe desde 2015 e é da responsabilidade da AJUDARIS, que é uma associação particular de caráter social e humanitário, de âmbito nacional, sem fins lucrativos, que luta diariamente contra a fome, a pobreza e a exclusão social.

Com a implementação do concurso, a Ajudaris tem procurado estimular a prática da cidadania e da solidariedade, aproximar os contextos Escola-Família e Comunidade, bem como impulsionar a rede de voluntariado na comunidade. Como produto final das “Histórias da Ajudaris17” foram criados livros, nos quais constam os trabalhos das escolas que foram selecionadas.

O nosso agrupamento foi um dos selecionados para fazer parte de um dos livros da Ajudaris, com o poema “Receita para uma Família Unida” (página 223 do livro), criado pela turma referida. Assim, não podíamos deixar de aceitar o convite para estarmos presentes na festa de lançamento das Histórias, no dia 28 de outubro, no Pavilhão Multiusos de Gondomar. A nossa deslocação foi totalmente comparticipada pela Câmara Municipal de Tondela, pelo que não podíamos deixar de aqui expressar o nosso sincero agradecimento.

O evento juntou centenas de crianças, professores e encarregados de educação de todo o País, numa rede de afetos que já uniu mais de 40 mil pessoas, entre jovens autores, docentes e ilustradores, além dos parceiros solidários e voluntários. Na nona edição das “Histórias da Ajudaris”, em 2017, foram publicados cinco livros dedicados à Família. Maria João Carreira e Rui Ramos apresentaram um espetáculo feito de diversas atuações, para além do palhaço Batatolas e da participação especial de Fernando Rocha, Ana Viriato, António Mota e Mário Augusto.

Importa ainda destacar que nos disponibilizámos para vender os livros, como forma de continuar a colaborar com esta instituição, e que se encontram nas Bibliotecas da Escola Secundária de Tondela e na da EB do Caramulo. O preço, por cada unidade, é de 5€.

 

Viagem à Finlândia - Projeto Erasmus+

De 2 a 6 de outubro, alunos e professores da Escola Secundária de Tondela - Agrupamento Tomaz Ribeiro, participaram em Kalvia, Finlândia, num encontro internacional do projeto Get Moving sobre o tema Design e Sustentabilidade.

O design na perspectiva da sustentabilidade é considerado um dos principais desafios do futuro e um dos temas do projeto. Esta perspetiva mais abrangente do design, que valoriza o comportamento e cultura humanos como aspectos essenciais na definição de ambientes mais sustentáveis, foi bem visível no dia-a-dia dos finlandeses. Inúmeros exemplos mostraram a importância que atribuem ao design nesta perspetiva, seja nas suas opções individuais, seja nos seus projetos comunitários como por exemplo, na escola - uma escola recém-construída de 8 milhões de euros, em cujo desenho os professores participaram ativamente para o ajustar às suas necessidades específicas - ou nas refeições escolares, reorganizadas para evitar alguns desperdícios, por sugestão dos alunos através do Conselho Municipal da Juventude local.

Ao longo da semana em que o encontro decorreu, os alunos e professores participantes puderam ainda contactar de perto com a realidade educativa da Finlândia, apontada quase consensualmente como um exemplo a seguir, assistindo a aulas e participando em diversas atividades.

O projeto Get Moving, um projeto Erasmus+ dedicado à participação e empreendedorismo social dos jovens, é coordenado internacionalmente por uma equipa de professores de Tondela e envolve 5 outras escolas da Eslovénia, Espanha, Finlândia, Polónia e Letónia. Decorre de setembro de 2016 a dezembro de 2018 e culminará com um encontro final na nossa cidade.

Ver mais fotos

 

Entrega de diplomas

A cerimónia de entrega de diplomas aos alunos que concluíram o ensino secundário realizou-se no dia 6 de outubro de 2017.

Diplomas2017

 


bottom

Powered by Joomla!. Design by: themza joomla 2.5 themes  Valid XHTML and CSS.